Nova tendência em leitura de livros faz cristãos economizarem

0
404
Mercado Cristão

Os livros tem sido ao longo dos últimos 600 anos, a grande ferramenta de educação, informação relevante e democratização do conhecimento e cultura. Porém, o alcance da literatura vem sendo aumentado significativamente com a difusão de uma nova forma de publicação dos livros, que oferece praticidade e economia ao leitor.

Essa nova forma de publicação é conhecida como e-book, que está se popularizando através da possibilidade de acesso em diversos readers (termo em inglês que pode ser traduzido como “leitores”), como por exemplo, tablets e smartphones, ou até de equipamentos desenvolvidos exclusivamente para esse fim, como o Kindle, da Amazon.

Especialistas destacam o conforto entre as maiores vantagens que contam a favor dos e-books. A leitura e armazenamento de diversos títulos em aparelhos como os citados acima, permitem a formação de uma biblioteca digital portátil, que pode ser levada e acessada em qualquer lugar.

Questões como, por exemplo, a conservação do meio ambiente também são destacadas, uma vez que como os e-books não exigem papel para impressão, menos árvores são cortadas para permitir o uso da matéria prima. O preço também é outro ponto a ser destacado, já que não existem despesas de impressão, transporte, e estocagem, o que resulta num custo final muito menor para o consumidor.

O sucesso de vendas de inúmeros títulos no formato digital foi registrado por uma reportagem do jornal O Globo, que mencionou a busca das editoras por uma forma de conciliar o lançamento dos livros impressos com os exemplares no formato e-book.

O crescimento promissor e o mercado em constante expansão atraíram grandes empresas, como o Google, que lançou uma loja de venda de e-books, a Apple, com sua iBook Store, e a Amazon, que além do aparelho Kindle, oferece exemplares em sua loja virtual.

No Brasil, de acordo com o jornalista Lauro Jardim, da revista Veja, existem aproximadamente 4 milhões de iPads, e o recém-chegado Kindle, da Amazon, já contabiliza 45 mil aparelhos comercializados. Esses números não contabilizam, por exemplo, os milhões de tablets de marcas como Samsung, Motorola, Positivo, Philco, entre outros, que usam a plataforma Android.

Um levantamento aponta que a venda de e-books cresceu aproximadamente 1000% em 2012, e que somente no mês de março deste ano, 500 mil exemplares foram comercializados.

No meio cristão, grandes autores com livros best-seller publicados, e novos autores, com títulos de menor expressão, também passam a ter acesso à distribuição de suas obras no formato e-book.

O Gospel+ está lançando este ano, o selo de distribuição de e-books Gospel+ Digital, que oferecerá títulos de autores renomados no meio cristão a preços mais justos e com várias comodidades.

Novos autores ou escritores com obras publicadas de maneira independente, também poderão editar seus livros através do Gospel+ Digital, com serviço de customização e garantida medidas anti-pirataria. O e-mail digital@gospelmais.com.br é a porta de acesso ao mundo editorial para os escritores que buscam uma forma simples e eficiente de publicar suas obras.

O lançamento do Gospel+ Digital faz parte das comemorações dos sete anos do portal, que ao longo do tempo tem rompido fronteiras em busca de inovação e qualidade na informação prestada ao público cristão.

Fonte: Tiago Chagas –  Portal Gospel+

 

DEIXE UMA RESPOSTA